quarta-feira, 9 de julho de 2014

Sr. N


Uma fragrância masculina que já se tornou um clássico.

Lançada inicialmente em 1981 e reformulada em 2007, embora com algumas mudanças, a fragrância manteve seu espírito: verde, aromática, amadeirada e equilibrada.
Sr. N mistura notas cítricas, lavanda, cardamomo e notas de madeiras, como patchuli e vetiver. Não é nada áspera ou agressiva, como acontece com algumas fragrâncias masculinas. Na verdade, o que Sr. N tem de melhor é a harmonia entre os acordes aromáticos e os amadeirados, todos muito arredondados, revelando uma sofisticação bem natural e remetendo-me a regiões montanhosas e frias, cercadas de pinhos.
Um aroma requintado, por ser pouco complexo e, ao mesmo tempo, estimulante, vibrante, limpo e marcante.
Há algum tempo, a Natura lançou as versões Cedro e Âmbar, que, em breve, serão apresentadas aqui.
Um perfume bem brasileiro.

3 comentários :

  1. Quando eu era jovenzinho e nem conhecia muitos perfumes importados, usei muito o desodorante Sr. N (na época nem existia o perfume). Gostava tanto que usava como eau de toilette. Estou até pensando em ter um agora, para matar a saudade... Na minha mente a nota dominante era de musgo de carvalho que eu fantasiava como sendo algo encontrado na Floresta Negra, lá na Áustria... Você conhece o âmbar, Cris? É bom?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido Yvan, confesso que curti mais a versão Cedro... que se aproxima mais do original. A versão "âmbar" me pareceu previsível, como aqueles perfumes de O Boticário, todos iguais, fougère orientais, que mais se parecem com lavandas temperadas... É como se acrescentássemos notas mais adocicadas e cálidas ao fundo de Sr.N...

      Excluir
    2. E a versão vétyver, você conhece?

      Excluir

Participe deste blog. Vamos trocar experiências olfativas!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...