segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Trouble


Este perfume deve ocupar a lista dos escolhidos com ousadas intenções. Saída fresca que se abre para a entrada triunfal do poderoso jasmim, amparado por generosas notas de âmbar e madeira. Trouble é um delicioso problema para quem o sente. Instigante e deliciosamente sensual. Além disso tem a expressão moderna e glamourosa dos perfumes orientais florais mais cobiçados: Ange ou Démon, Dior Addict, Midnight Poison... 
O frasco traduz a concepção da fragrância e mantém o estilo da grife, conhecida pelas joias mais que preciosas e divinamente desenhadas: consta na tampa uma serpente dourada com uma esmeralda cravada no olho.
A fragrância é de 2004, pelo poderoso Jacques Cavalier, meu nariz preferido, criador de perfumes eternos para YSL, Dior, Givenchy, Jean Paul Gautier, Nina Ricci, Lancôme, entre outros.

Um comentário :

  1. tenho o trouble quando o senti, lembrei-me imediatamente do Athenas da O boticario (que a minha irma usava. Nao sei se confere algum ingrediente da composiçao,

    ResponderExcluir

Participe deste blog. Vamos trocar experiências olfativas!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...